Swift

Resenha: Os Guardiões - A Caixa Mágica e a Libélula


Imagine você passar de ônibus pelo seu caminho habitual e de repente ver o seu nome escrito em uma placa, mas não simplesmente seu primeiro nome e sim seu nome completo! Essa é a chamada do livro Os Guardiões - A Caixa Mágica e a Libélula, de Ted Sanders e hoje nós vamos conhecer um pouquinho a história desse livro.

Horace F. Andrews é um menino de doze anos, inteligente e muito curioso. Um dia ao passar pela rua, ele encontra uma placa com seu nome e aí faz o que todos fariam em seu lugar, desce do ônibus e vai até o lugar para descobrir do que se trata. Essa foi a decisão que mudou sua vida e é aí que a nossa aventura começa.

Procurando o misterioso lugar com a placa, nosso herói encontra - ou melhor, é abordado - por um homem digamos, um tanto estranho. Com mais de 3m de altura e de tamanha magreza que parecia ser até impossível, Dr. Jericho assusta Horace com a sua aparência e já mostra ser uma ameaça logo de início fazendo ele correr e finalmente achar o lugar com uma placa que antes parecia mostrar seu nome.

"Miudezas
Relíquias
Fortúnio
Infortúnio
Artefatos 
Areanos
Curiosidades
Misérias
Mistérios
e muito mais na
MORADA DAS RESPOSTAS"


É, talvez Horace tenha se enganado, não era Horace F. Andrews na placa e sim House Of Answers - pelo ao menos assim ele pensava. Mas de respostas mesmo o lugar não parecia ter nada e a partir daí Horace vai embarcando em sua aventura com muitas perguntas e respostas que ele mesmo deveria encontrar.

“Mas eu não sei por quê. Não sei o que é um amuleto. Eu não sei nem quem ou o que é o Dr. Jericho.”
“Ele é o inimigo.”
“Isso não é resposta”, retrucou Horace.
“Pelo contrário, Horace, é o coração da resposta. Conhecer seu inimigo é saber quem você é no mundo.”

De início o livro é um pouco arrastado, mas conforme Horace vai buscando respostas, nossa curiosidade também é aflorada e a leitura vai fluindo. Ted Sanders trouxe uma história original fugindo bastante de clichês, porém o ritmo não foi tão envolvente assim.

Ah, preciso mencionar que o leitor encontrará palavras que talvez possam causar estranhamento - como por exemplo, tan'ji, tan'kindi, tanu - porém no final do livro há um glossário que pode facilitar a leitura.

Os Guardiões - A Caixa Mágica e a Libélula é um livro divertido e de leitura fácil. Não surpreendeu muito mas foi um bom entretenimento.

Título: Os Guardiões - A Caixa Mágica e a Libélula
Autor: Ted Sanders
Editora: Gutenberg


LEIA TAMBÉM