Swift

Resenha | Mais Forte Que o Sol


Olá, tripulação! Recentemente eu tenho trazido algumas resenhas do gênero Romance de Época, sim, tenho que confessar, estou completamente viciada! A última que eu trouxe foi Mais Lindo Que a Lua, da Julia Quinn, e como se trata de uma duologia, hoje trago para vocês Mais Forte Que o Sol

Já quero adiantar pra vocês que esse segundo livro é muito melhor que o primeiro. Comecei a leitura meio sem vontade, já que não havia gostado tanto de Mais Lindo Que a Lua, mas assim que comecei a ler, a história já me pegou de uma forma que tive que terminar no mesmo dia — efeito Julia Quinn, não é mesmo? 

Ellie Lyndon, a nossa personagem principal, é uma pessoa maravilhosa! Muito diferente de sua irmã, a nossa mocinha aqui é dona de uma personalidade forte, uma inteligência notável — não que sua irmã não fosse também, mas em Ellie é tudo mais intenso — e ninguém segura sua língua afiada! 

A história se inicia quando o mulherengo conde de Billington, Charles Wycombe, cai de uma árvore aos pés de Ellie — literalmente — e conversa vai, conversa vem, ele a pede em casamento. 

“– A senhorita vai se casar comigo nem que eu tenha que arrastá-la até o altar amarrada e amordaçada.”

Calma! Há um motivo para um pedido tão rápido. O nosso conde aqui, precisava se casar antes de completar 30 anos, senão perderia seu título e toda a fortuna que vem com ele. Já Ellie, viveria muito bem solteira, mas se tratando de um romance de época, sabemos que uma mulher não tinha tanto espaço na sociedade, então ela não podia nem investir seu dinheiro se não fosse em nome de algum homem. Além disso, a detestável futura madrasta de Ellie, estava escolhendo homens asquerosos como pretendentes para se livrar dela. 

Todos esses motivos citados, levou os dois à um casamento por conveniência, um contrato que beneficiaria ambos. Porém eles descobriram que havia uma química inegável entre os dois e, por mais que na maioria do tempo quisessem se matar, sentimentos avassaladores começam emergir. 

“– Você tem gosto de mel – disse ele com a voz rouca, mordiscando o canto de sua boca. – Seu gosto é diferente de tudo, de todas.”

A história é um clichê como deu pra perceber, mas se você pega um romance de época pra ler esperando que não se trate de clichê ou que ao menos não tenha muitos elementos clichês, vai ser uma pessoa muito iludida na vida. 

No mais, como eu disse no início, este segundo livro da duologia irmãs Lyndon é muito melhor que o primeiro! O casal é maravilhoso e, como eles estão sempre se provocando, é muito divertido acompanhar os seus diálogos. Se você não ficou com muita vontade de ler o primeiro mas se interessou por este segundo, pode começar por este sem problemas! Você se sentirá envolvido na história e não conseguirá largar o livro até a última página. É o tal do efeito Quinn.

Título: Mais Forte Que o Sol
AutorJulia Quinn
EditoraArqueiro

LEIA TAMBÉM