Últimos Posts
literatura category image

Coraline | O livro de terror para crianças

13 dezembro 2020 1 Comentários

Coraline | O livro de terror para crianças

Todos nós da geração Z certamente já assistiram ao filme de stop-motion dirigido pelo Henry Selick (o mesmo que dirigiu O estranho mundo de Jack) mas o que a maioria não sabe, é que a história de Coraline Jones foi originada de um livro do mesmo nome. 

Embora tenha a faixa etária livre para todos os públicos, acho um tanto macabro, tanto na versão original quanto na adaptação. Neil Gaiman – autor do livro-, criou este livro para sua filha X e acabou finalizando para a filha Y. X sempre se interessou por literatura obscura mesmo com tão pouca idade e a construção de Coraline foi indo aos poucos. O filme tem algumas divergências com o livro, desde um personagem novo às cores das roupas. Na minha opinião, o filme teve uma ideia certeira em acrescentar tal personagem, deixou o filme um pouco mais leve e menos assustador. Enquanto eu estava imersa na leitura, ficava atemorizada com as ilustrações de Chris Riddell, ele pegava a essência do personagem e desenhava no ponto de vista da nossa protagonista. Ler de noite está fora de cogitação caso você seja sensível. 

Leia também:

O livro é destinado para o público infantil, logo a leitura é bem fluida e sem muitos rodeios. Eu tive a mesma sensação ao ler Percy Jackson e os Heróis do Olimpo por ser altamente viciante, agora anseio por algumas ilustrações do apartamento dela todo reformado, se iria ficar semelhante com o que a Outra Mãe pensou. Outro ponto interessante a ser comentado, é como a Coraline é uma criança sagaz e estratégica, eu não teria capacidade nem na minha idade atual para enganar a Outra Mãe, no decorrer do livro, Coraline faz uma série de planejamento para manipulá-la e conseguir o que deseja. Os planos dela são bem certeiros para atingir a ganância da Outra Mãe, além de ter ajuda de outras vítimas dela.

Uma parte do livro que agradeço aos céus por ter sido adaptado de forma mais suave, é a cena -Alerta de spoiler- do porão com o Outro Pai da Coraline. Algumas pessoas que já jogaram jogos de Survival Horror sabem a agonia que é o monstro lhe perseguindo em uma velocidade assustadora. Se você já jogou Resident Evil 7: Biohazard conhece o desespero quando o Jack corre atrás de você ou o mofado quadrúpede, ou Outlast quando o Chris Walker está furioso com você. Estas duas situações são iguais ao que Coraline passa, ela não tem a menor chance de enfrentar ele e sabe que se for pega, é game over. Como eu assisti o primeiro filme e já estava ciente que o livro tinha diferenças, não sabia o que esperar nessa pequena perseguição agoniante. 

Um ponto que gostaria que tivessem adaptado fielmente do livro foi a porta para o outro mundo. A porta no filme é pequena e bem estreita, nas cenas de perseguição nos dá uma aflição enorme, já no livro, é uma porta com tamanho comum, dando mais comodidade para correr. 

Leia também:

Eu gostei bastante do livro, principalmente por trazer novas informações e ter algo novo de Coraline. Não há muita coisa que difere da sua adaptação, mas é um prato cheio para os amantes da garota aventureira E para os amantes de cosplay, vocês tem diversas opções para fazê-lo, o filme, as ilustrações e as descrições são diferente uma das outras, durante a aventura, Coraline tem um bocado de roupas que ela usa e acessórios.

Gostou do nosso conteúdo? Siga a gente no Instagram.

1 Comentário

  • Esse livro é maravilhoso, essa edição tá incrível, as artes, tudo